sexta-feira, 9 de dezembro de 2016

DUCATI DO BRASIL ANUNCIA NOVA CHIEF FINANCIAL OFFICER.

MELINA VOSS ASSUME A DIRETORIA FINANCEIRA DA DUCATI DO BRASIL. ELA OCUPA O CARGO DEIXADO POR DIEGO BORGHI QUE EM OUTUBRO ASSUMIU A PRESIDÊNCIA DA EMPRESA ITALIANA NO BRASIL.

Aos 33 anos, Melina Voss chega para reforçar o time da Ducati no Brasil. 

Melina teve sua última passagem profissional na Audi do Brasil, onde gerenciou a área de Controladoria nos últimos 6 anos. Melina desenvolvia atividades focadas em planejamento financeiro, controle orçamentário, medição de performance das áreas de negócio e recentemente participou do projeto de implementação da fábrica da Audi no Brasil. 

Sob o cargo de CFO - Chief Financial Officer, Melina ingressa num dos melhores momentos da Ducati no país. No último mês, a empresa registrou recorde de crescimento, chegando ao melhor resultado da companhia desde o seu desembarque no Brasil em 2012.  

Segundo Melina, o desafio de conduzir uma área financeira em tempos de crise é grande mas se baseado em uma estratégia adequada torna-se plenamente viável. 

“ O mercado das duas rodas no Brasil também sofre com a crise econômica, e isso se reflete diretamente nas finanças. Entendo que a Ducati vem consolidando as competências corretas pra encantar seus clientes nesse mercado exigente e está apoiada em uma estratégia consistente e sustentável para os próximos anos.  Isso, na minha visão, é o ponto de partida para o sucesso e agora é trabalhar para otimizar os recursos e canalizá-los de forma eficiente”, explica Melina Voss. 

Motocilcista, a nova CFO da Ducati vê um espaço enorme a ser explorado pelas mulheres nesse mercado. “E em situações de crise isso pode ser um bom diferencial”, finaliza. 

Ducati conquista recorde de crescimento no Brasil


A Ducati do Brasil bateu recorde de crescimento neste mês de novembro e registrou o melhor resultado da companhia desde o seu desembarque no Brasil em 2012. Segundo dados da Associação Brasileira dos Fabricantes de Motocicletas, Ciclomotores, Motonetas, Bicicletas e Similares (Abraciclo), a Ducati conquistou 35,3% de crescimento e emplacou 1,1 mil unidades nos últimos 11 meses. Em market share a marca italiana alcançou a participação de 5,1% no último mês, sendo 3,5% o maior resultado já obtido.

“No último ano as mudanças e as ações realizadas na Ducati do Brasil foram direcionadas para deixar a companhia mais competitiva, ágil e pronta para o crescimento.  Tenho certeza que estamos no caminho certo e vamos continuar avançando”, comenta Diego Borghi, presidente da Ducati do Brasil.

O recorde é resultado de uma série de ações que vem sendo tomadas pela companhia para reestruturar e solidificar cada vez mais a sua presença no Brasil.

O grande destaque e responsável por este crescimento é o modelo DUCATI XDIAVEL, apresentado em julho de 2016 no mercado nacional. No último mês o modelo que teve o início efetivo de sua comercialização, foi responsável por 24% do total de vendas da marca. Com unidades esgotadas para entrega em 2016 da versão “S”, a XDiavel é um dos maiores cases de sucesso da Ducati.

No dia 22 de novembro o modelo ganhou nota máxima numa avaliação feita por jornalistas do setor e recebeu o prêmio de “Moto do Ano” na Categoria Custom. O prêmio, realizado pela revista Duas Rodas, já é considerado o maior comparativo de motocicletas do mundo realizado por um veículo de mídia.

Ducati Motor Holding S.p.A. – Empresa de único acionista sob gerenciamento e coordenação da AUDI AG

MAX MIDIA COMUNICAÇAO
Maristela Ramos
maristela@maxmidiacomunicacao.com.br
(11) 981-528-752